22/03/2022 às 20h05min - Atualizada em 22/03/2022 às 20h05min

Catunda cobra exoneração de diretor de RH sem formação escolar

Vereador classificou de imoral e ilegal a manutenção Amaury no cargo

Reprodução/Redes Sociais


O vereador João Catunda criticou, na sessão desta terça-feira (22), a manutenção do vereador de Ibateguara Amaury no cargo de diretor de Recursos Humanos da Companhia de Recursos Humanos e Patrimônio de Maceió (Comarhp), após a comprovação de que ele só tem o ensino fundamental incompleto. Amaury é vereador de Ibateguara e amigo do prefeito JHC. "É imoral, ilegal e desrespeitoso com quem estudou bastante para exercer a função", apontou o vereador.

Catunda ainda rebateu as críticas de que teria atacado o vereador Amaury. "As ofensas pessoais só partiram dele. Quanto à minha obrigação de fiscalizar, só me cabe cobrar a exoneração imediata dele e pedir respeito dele e do prefeito JHC ao povo de Maceió e de Ibateguara", concluiu.


Catunda ainda condenou o líder do governo, Siderlane Mendonça, por mau uso da verba indenizatória. "Não pode reclamar da minha atuação, como vereador independente, um líder do governo que usa a verba de gabinete para comprar chocolate kit kat, chiclete e para pagar rodízio de pizza no fim de semana", declarou Catunda em resposta às intimidações que vêm sofrendo por parte de grupo ligado ao prefeito de Maceió, JHC (PSB).


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
OLÁ - NA MIRA ZAP
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp