20/07/2022 às 07h08min - Atualizada em 20/07/2022 às 07h08min

Suspeito de atirar em cachorro é preso no Sertão de Alagoas

Cortesia

O homem acusado de atirar em um cachorro na semana passada em Mata Grande, no Sertão alagoano, foi preso, na tarde desta terça-feira (19). A prisão de Claudionor Peixoto Barbosa, conhecido como “Neno Barbosa”, 60, foi realizada por uma equipe da Polícia Civil.

O acusado foi capturado próximo à residência dele e, durante a prisão, entregou a espingarda utilizada para ferir o animal. Segundo o chefe de operações Jaeudson Ferreira, do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), o suspeito confessou ter atirado no cachorro, mas alegou que agiu dessa forma porque o cão o atacou.

De acordo com o delegado regional de Delmiro Gouveia, Rodrigo Rocha Cavalcanti, que também responde pela Delegacia Distrital de Mata Grande (28ª-DP), o homem foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo, visto que estava fora do flagrante do crime contra o cachorro.

“Mas, ele também vai responder por maus-tratos a animais. O inquérito será concluído e remetido ao Judiciário”, afirmou o delegado. O delegado informou que o cachorro, chamado de Thor, está se recuperando bem do ferimento.

O crime ganhou notoriedade nas redes sociais e o tutor do animal postou um vídeo relatando o ato de violência. Segundo o tutor, o cachorro estava, na tarde da última quarta-feira (13), passando próximo da propriedade do suspeito, onde ele cria ovelhas e outros bichos, quando foi atingido com um disparo de espingarda.

Gravemente ferimento, com vários estilhaços de prego e vidro, o cachorro foi socorrido pelo tutor e levado para um médico veterinário do município, que estabilizou o estado clínico do cão. Apesar disso, o animal precisou ser levado a Delmiro Gouveia, onde foi realizado procedimento cirúrgico para retirada dos estilhaços.

Testemunhas relataram para a polícia que não é a primeira vez que o suspeito maltrata animais, mas das outras vezes não houve registro policial.


Redação com Correio Notícia


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
OLÁ - NA MIRA ZAP
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp