09/05/2021 às 17h33min - Atualizada em 09/05/2021 às 17h33min

Bolsonaro quer privatizar áreas em praias do Rio, Bahia, SC e Alagoas

Projeto piloto contempla áreas do Rio de Janeiro, Bahia, Alagoas e Santa Catarina e inclui venda de ativos inalienáveis, segundo jornal

EXAME
INTERNET


Além de imóveis à beira-mar para a construção de hotéis e resorts, o governo também estaria interessado em conceder ativos inalienáveis, como faixas de areia, áreas de ilhas e espelhos-d'água, onde seriam feitos píeres e marinas. 

Segundo a publicação, um projeto piloto deve ser feito em Angra dos Reis (RJ), Maragogi (AL), Cairu (BA) e região de Florianópolis (SC). Em Cairu, nem mesmo o forte do Morro de São Paulo, construído em 1630 e considerado patrimônio histórico nacional, seria poupado.

O projeto, ainda de acordo com a Folha, será liderado pelos Ministério da Economia e terá a participação dos ministérios do Meio Ambiente, Turismo e Infraestrutura. A participação de diferentes pastas teria como objetivo dar segurança jurídica.

 

Presidente Jair Bolsonaro (Andressa Anholete/Getty Images)

Com cronograma previsto para iniciar neste ano, os editais de chamamento para estudos deverão ser lançados já no próximo mês. A expectativa é de que as licitações para vendas das áreas de Angra, Maragogi, Cairu e região de Florianópolis sejam lançadas no primeiro semestre de 2022. 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
OLÁ - NA MIRA ZAP
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp