11/08/2021 às 19h32min - Atualizada em 11/08/2021 às 19h32min

REDE ESTADUAL INVESTE EM AÇÕES DE PREPARAÇÃO DOS ALUNOS PARA ENEM 2021

Aulões, simulados, roda de conversa e roteiro de estudos estão entre recursos que os estudantes podem contar na hora de se preparar para o exame

- Manuella Nobre e Beatriz Rodrigues, sob supervisão
https://alagoas.al.gov.br/

Após o encerramento das inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), a Rede Pública Estadual apressa o passo na preparação dos seus estudantes para a maratona rumo às melhores universidades do país. A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) desenvolve junto às suas escolas uma série de ações visando auxiliar os alunos no ingresso do Ensino Superior.

Mesmo diante dos desafios impostos pela pandemia, gestores, coordenadores pedagógicas, articuladores de ensino e professores, integrados à equipe técnica da Seduc, formaram uma grande rede visando beneficiar milhares de estudantes da rede estadual, como explica a coordenadora do núcleo estratégico de recursos didáticos (Nerd) da Seduc, Danielly Verçosa.

“Com a suspensão das atividades presenciais nas escolas da rede estadual de ensino e o estabelecimento do Regime Especial de Atividades Escolares Não Presenciais (REAENP), todas as unidades de Ensino Médio passaram a trabalhar por meio de roteiro de estudos, organizados de forma interdisciplinar, alguns deles foram feitos para os estudantes que vão fazer o Enem, contemplando todas as áreas do conhecimento necessárias para uma boa prova”, explica Danielly.


 

Escolas em ação

Da capital ao interior, mesmo com todas as dificuldades, profissionais e estudantes mostram-se comprometidos e focados na busca pela aprovação. Em Maceió, as iniciativas da Escola Estadual Moreira e Silva, localizada no Centro Educacional de Pesquisa Aplicada (Cepa), pela 13ª Gerência Regional de Educação (Gere), este ano seguem on-line, mas com a volta às aulas serão reforçadas de maneira híbrida para todos os alunos da escola.

“Estamos preparando aulas on-line com os assuntos que mais caem no Enem, além de alguns aulões que acontecem pelo Google Meet. Como a prova será em novembro, até lá, a ideia é que a frequência dessa prática aumente e os alunos tenham várias revisões, para garantir que todas as temáticas do Enem sejam trabalhadas”, garante a gestora geral do Moreira, Ely Quintela.

Dentre as unidades que compõem a 2ª regional está a Escola Estadual Ana Lins, que soma uma excelente marca em aprovações dos seus alunos em diversas universidades e faculdades, públicas e particulares. E para garantir que as aprovações continuem acontecendo, a unidade conta com calendários de aula, roda de conversa e intensivos. 

“Realizamos três aulões: um às vésperas do recesso escolar, para deixar o gostinho de quero mais. Nos encontros abordamos técnicas de redação. Também contamos com cursinhos feitos isoladamente pelos nossos professores. Temos um momento de bate papo com ex-alunos onde eles podem falar um pouco da experiência deles enquanto vestibulando, para os alunos que vão encarar a maratona em Enem 2022”, detalha a gestora da escola, Josimere Queiroz.

Escola Web

Outra tecnologia essencial e viabilizada pela Seduc nesse processo de aulas remotas é a Escola Web. Por lá, é possível encontrar recursos digitais de aprendizagem, incluindo questões para simulados, roteiros de estudos e plataformas de atividades que apresentam aulas preparatórias para o exame nacional.

De acordo com Danielly Verçosa, gerente do Núcleo Estratégico de Recursos Didáticos (NERD), explorar o uso das tecnologias foi essencial nesse processo. “As escolas vêm mobilizando os estudantes por meio das redes sociais, com incentivo e apoio à realização das inscrições, aulões e simulados de preparação para a prova, bate-papo com ex-estudantes graduandos e com alguns profissionais de diversas áreas, entre outras ações”, finaliza Danielly.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
OLÁ - NA MIRA ZAP
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp